A História de warcraft 2º parte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

A História de warcraft 2º parte

Mensagem por Hommerr em Qui 23 Fev 2012, 06:24

A Corrupção dos Eredars


Algum tempo depois os [[eredars]], uma raça brilhante com afinidade para a magia, atraíram a atenção de [[Sargeras]] para a terra natal deles, [[Argus]]. O Titã Caído ofereceu poder além da imaginação para os três líderes dos eredars – [[Kil’Jaeden]], [[Archimonde]] e [[Velen]] – em troca de uma lealdade inquestionável. Porém uma visão perturbadora veio até Velen, que viu os eredars transformados em impronunciáveis demônios, os futuros líderes do exército de Sargeras, que iria crescer até proporções colossais e dizimaria toda a vida que encontrasse.

Apesar das tentativas de Velen de alertar seus amigos, Kil’Jaeden e Archimonde decidiram aceitar a oferta de Sageras. Velen desesperou-se com a decisão de seus antigos companheiros e então rezou por ajuda. Para a sua surpresa e alívio, suas preces foram respondidas pelos benevolentes [[naarus]]. Esses seres de energia haviam, assim como Velen, previsto o mal que seria causado pelo Titã Caído.

Os naarus ofereceram-se para guiar Velen e quaisquer outros crentes até um local seguro. Velen quietamente reuniu aqueles entre os seus seguidores eredars que pareciam confiáveis e os batizou de “[[draeneis]]” (que em [[eredun]] significa “os exilados”). Os draeneis conseguiram escapar por pouco, antes que Sargeras voltasse para cumprir sua promessa. Furioso pela traição de seu antigo companheiro, Kil’Jaeden jurou perseguir Velen e seus seguidores draeneis até os confins da existência.

Quando Sargeras voltou para Argus ele transformou os eredars em demônios. Sargeras escolheu seus dois campeões para comandar seu exército demoníaco de destruição: Kil’Jaeden, o Enganador, que foi escolhido para procurar as raças mais sombrias do universo e as recrutar para servir ao titã, e Archimonde, o Profanador, que foi escolhido para conduzir os vastos exércitos de Sargeras em batalha contra qualquer um que resistisse à Legião.

O primeiro movimento de Kil’Jaeden foi escravizar os vampíricos [[Nathrezim]] sob de seu terrível poder. Os Lordes do Horror serviram como seus agentes pessoais ao longo do universo, deleitando-se em prazer ao localizar e subjugar raças primitivas para seu mestre corromper. O primeiro entre os Lordes do Horror era [[Tichondrius]], o Senhor das Trevas. Tichondrius serviu Kil’Jaeden como um soldado perfeito e concordou em levar em nome de Sargeras o testamento ardente para todos os cantos escuros do universo.

O poderoso Archimonde também escolheu seus agentes. Chamando os maléficos Senhores das Profundezas ([[Pit Lord]]) e seu líder bárbaro, [[Mannoroth]], o Destruidor. Archimonde queria criar uma elite lutadora que expurgaria a criação de toda a vida.

Assim que os exércitos de Sargeras foram recrutados e estavam prontos para seguir seu comando, ele lançou suas forças enfurecidas na imensidão da Grande Escuridão. Ele batizou o seu exército de Legião Flamejante ([[Burning Legion]]). A partir desta data ainda obscura, eles consumiram e queimaram tantos mundos quanto possível na sua profana Cruzada Ardente ([[Burning Crusade]]) pelo universo.

O Modelamento de Azeroth


Inadvertidos da missão de Sargeras de desfazer seus incontáveis trabalhos, o Panteão continuou movendo-se de mundo em mundo, amoldando e ordenando cada planeta quando achavam necessário. Ao longo de sua viagem, eles acharam um mundo pequeno que seus habitantes viriam a chamar de [[Azeroth]]. Conforme os titãs passaram pela paisagem primordial, eles encontraram vários seres [[elementais]] hostis. Estes elementais, que adoravam à uma raça de seres entrópicos conhecidos apenas como os “Deuses Antigos” ([[Old Gods]]), juraram expulsar os titãs para manter o seu mundo intocado pelo toque metálico dos invasores.

O Panteão, perturbado pela propensão dos Deuses Antigos para o mal, empreendeu uma guerra contra os elementais e seus mestres sombrios. Os exércitos dos Deuses Antigos foram conduzidos pelos tenentes elementais mais poderosos: [[Ragnaros]], o Senhor do Fogo; [[Therazane]], a Mãe Pedra; [[Al'Akir]], o Lorde do Vento, e [[Neptulon]], o Caçador das Marés. As forças caóticas deles se enfureceram pela face do mundo e colidiram com os colossais titãs. Embora os elementais fossem poderosos além da compreensão mortal, as forças combinadas deles não puderam parar os poderosos titãs. Um por um, os senhores elementais caíram, e suas forças dispersaram.

Para manter seus espíritos furiosos longe do mundo físico, os elementais foram banidos para planos abissais onde eles combateriam uns com os outros por toda a eternidade sem o poder dos Deuses Antigos. Com a partida dos elementais, a natureza se acalmou e o mundo estabeleceu uma harmonia e tranqüilidade. Os titãs viram que a ameaça foi contida e então começaram a trabalhar.

Os titãs então criaram várias raças para lhes ajudar a formar o mundo. Para lhes ajudar a esculpir as cavernas em baixo da terra, eles criaram os [[earthens]], seres mágicos de pedra viva. Para ajudar-lhes a dragar os mares e erguer a terra do chão, os titãs criaram imensos, mas gentis, gigantes. Por muitas eras os titãs moldaram a terra, até que finalmente tivessem um continente perfeito. No centro deste continente, eles fizeram um lago de energias cintilantes. O lago que eles nomearam de Fonte da Eternidade ([[Well of Eternity]]), era a fonte da vida para o mundo. Suas potentes energias criariam os ossos do mundo e permitiram à vida criar raízes no solo rico. Com o passar do tempo, plantas, árvores, monstros, e criaturas de todo tipo começaram a prosperar no continente primordial. Como um crepúsculo caiu no último dia de seu trabalho, os titãs nomearam o continente de [[Kalimdor]] (que na língua titã significa “terra da eternidade estrelada”).








Fonte: http://portalwow.com.br


Última edição por Hommerr em Qui 23 Fev 2012, 10:23, editado 1 vez(es)

Hommerr

Mensagens : 65
Pontos : 86
Reputação : 5
Data de inscrição : 25/01/2012
Idade : 35
Localização : Samonte-MG

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A História de warcraft 2º parte

Mensagem por Marcos Prado em Qui 23 Fev 2012, 08:41

muito bom eu me amarro em história saber como se formou o mundo WOW.... Isso é muito bom!

Valeu cara muito bom!

Marcos Prado

Mensagens : 5
Pontos : 5
Reputação : 0
Data de inscrição : 25/01/2012
Idade : 41
Localização : Santo André - SP

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum